Vamos viajar?

domingo, 18 de março de 2012

Gravataí: cidade onde moro!



Gravataí, RS

Gravataí é um município do estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Pertence à mesorregião Metropolitana de Porto Alegre e à microrregião de Porto Alegre.
A cidade faz aniversário em 8 de abril (Em 2012, completará 249 anos). Gravataí foi emancipada em 1763, nove anos antes de Porto Alegre). O acesso à Gravataí pode ser feto por três rodovias estaduais (RS-118, RS-020 e RS-030) e uma federal (BR-290). A cidade está localizada a 22 quilômetros de Porto Alegre e a 20 quilômetros do Aeroporto Internacional Salgado Filho. Gravataí é conhecida pelo forte pólo industrial. Recentemente, uma unidade da fábrica de automóveis norte-americana GM se instalou na cidade, chamando mais atenção dos gaúchos para Gravataí.
O nome da cidade tem origem numa espécie de bromélia conhecida como Gravatá. Em Tupi-guarani, Gravatahy, que significa "Rio dos Gravatás".
Em 8 de Abril de 1763 é fundada a Aldeia de Nossa Senhora dos Anjos.
A Coroa Portuguesa, ao expandir seus domínios para o sul da América, concedia cartas de sesmarias a quem já habitava a região, com o intuito de povoá-la. Pedro Gonçalves Sandoval, natural de Lima (Peru), recebeu a primeira sesmaria, pois já habitava o chamado rincão de Gravataí, nos campos de Viamão, hoje Viamão.
Nesta época, o capitão João Lourenço Veloso também recebeu sua sesmaria, dando posse das terras que habitava no mesmo rincão, mais a nordeste, próximo ao morro ltacolomi. Parte dessas terras seria comprada pela coroa portuguesa para assentamento da então Aldeia dos Anjos. Era o primeiro arranchamento da aldeia, transferido posteriormente para as atuais terras centrais de Gravataí.
Portugal e Espanha, desde tempos pré-coloniais, avançavam um no território de outro, por esse motivo, em 1750, assinaram o Tratado de Madrid, estipulando que Portugal devolveria a Colônia de Sacramento, fundada em território espanhol em troca dos Sete Povos das Missões, mais a nordeste. Para povoar Sete Povos das Missões, os portugueses trariam colonos do superpovoado arquipélago dos Açores. O Tratado não se efetivou, os índios guaranis que habitavam a região não aceitaram abandonar as terras, dando início à Guerra Guaranítica.
Em conseqüência da guerra, milhares de índios fugiram para o território português, estabelecendo-se nas imediações do Rio Pardo, atualmente rio Santa Maria.
Desse contingente de refugiados, cerca de mil índios guaranis foram trazidos, em 1762, pelo Capitão Antônio Pinto Carneiro para as proximidades do rio Gravataí, dando início ao povoamento da Aldeia dos Anjos. Note-se que a Aldeia já existia de fato antes de sua fundação oficial (8 de Abril de 1763).
Com a chegada dos colonos açorianos e a confusão gerada na região missioneira, esses tiveram que ocupar outras áreas, ou seja, o Vale do rio Jacuí (litoral norte) e o Vale do rio Gravataí.
Com a chegada de José Marcelino de Figueiredo, Governador da Província de São Pedro, em 1772, a Aldeia dos Anjos começou a se desenvolver. José Marcelino de Figueiredo urbanizou o aldeamento, construindo escolas, olarias e moinhos.
Em 1795, a Aldeia dos Anjos foi desmembrada da Freguesia de Nossa Senhora da Conceição de Viamão.
Em 1806, a Aldeia dos Anjos foi elevada à condição de Freguesia, ou seja, distrito de Porto Alegre.
Em 11 de junho de 1880, foi assinada a Lei que emancipou a antiga Aldeia dos Anjos de Porto Alegre, passando-a à condição de Vila, com o nome de Vila de Nossa Senhora dos Anjos de Gravataí.
As últimas décadas do século XIX registraram significativo desenvolvimento para a vila, principalmente em função do cultivo da mandioca e da exportação de sua farinha para outras partes do país e exterior, através do Passo das Canoas.
A farinha de mandioca foi responsável pelo desenvolvimento econômico do município até meados do século XX.
Na década de 30, assumiria o governo do município José Loureiro da Silva, iniciando-se nova fase desenvolvimentista para Gravataí.

Daqui.

Prefeitura de Gravataí



www.twitter.com/@gravatai_rs
Facebook
Site da prefeitura: www.gravatai.rs.gov.br

Fábrica General Motors



Pampas Safari - Parque de Animais Selvagens



O "Pampas Safari - Parque de Animais Selvagens" localiza-se em meio ao centro urbano de Gravataí. Ocupando uma área de 320 hectares, abriga diversas espécies de animais oriundos de vários países.

Proporciona aos visitantes, passeio de carro entre animais selvagens como cervos, avestruzes, emas, macacos-prego, entre outros. O parque totaliza aproximadamente cerca de dois mil animais, incluindo espécies em extinção, raras e exóticas, das quais se destacam o cisne-de-pescoço-negro e a anta. Conta ainda com um museu a céu aberto, locomotiva antiga, tanque de guerra e um jardim oriental com uma estátua do Buda.

No mês de junho de 2008, o local ganhou um novo viveiro, com 500 metros quadrados, o qual abriga mais de sete diferentes espécies de animais dentre os quais araras, pássaros, tartarugas entre outros.

Ainda disponibiliza lanchonete própria e um espaço para piqueniques.

Horário de atendimento:
Sábado, domingo e feriado, das 10h às 18h.

Características:
Acesso a portadores de necessidades especiais
Ambiente ao ar livre
Estacionamento(gratuito )
Playground
Visita Guiada

Site: http://www.pampasafari.com.br 

Daqui.

Novos filhotes no Pampas Safari:

Mais de 150 novos filhotes nascem no Pampas Safari no RS.
Números são do início do verão até o fim de janeiro.
As emas são os animais que mais se reproduzem no verão no parque.

Filhote fêmea de camelo nasceu neste verão no Pampas Safari (Foto: Anelise Febernati/Pampas Safari/divulgação)

O Pampas Safari, em Gravataí, na região metropolitana de Porto Alegre, é um dos maiores parques de animais selvagens da América Latina. Neste verão, os cerca de dois mil animais que vivem soltos no local receberam a companhia de outros 152 filhotes nascidos recentemente. São 50 novas emas, 48 cervos-vermelhos, 40 cervos-dama, três araras e um filhote fêmea de camelo.
Segundo Anelise Febernati, assistente da diretoria do Pampas Safari, o verão é a época em que mais os animais se reproduzem no local. No caso das emas, o forte calor e o tempo seco ajudam na reprodução.

Calor e tempo seco ajudou na procriação das emas (Foto: Anelise Febernati/Pampas Safari/divulgação) 

Filhotes de cervo-dama nasceram neste verão no Pampas Safári de Gravataí (Foto: Anelise Febernati/Pampas Safari/divulgação) 

Daqui:

Entrada do Distrito Industrial de Gravataí



Morro Itacolomi



CTG Aldeia dos Anjos



Cerâmica Atlético Clube
Vista aérea do Estádio Antônio Vieira Ramos
Site: www.ceramicaatleticoclube.com.br



Faculdades

FACENSA

Sobre a instituição de ensino:

FACENSA (Faculdade Cenecista Nossa Senhora dos Anjos) é uma Faculdade paga (Privada - Filantrópica) fundada em RS no dia 26 de Abril, Sexta-feira, no ano de 2002. Esta Universidade possui 8 anos de tradição

Correio Eletrônico: facensa@facensa.com.br
Endereço na internet: www.facensa.com.br
Telefone para contato:(51) 3488 1991
Número de fax: (51) 3488 5595.

FACENSA (Faculdade Cenecista Nossa Senhora dos Anjos) fica na Avenida Dr. José Loureiro da Silva 1991 - GRAVATAI, RS. CEP 94010-001 e é mantida por CAMPANHA NACIONAL DE ESCOLAS DA COMUNIDADE - CNEC.

Reitor atual: Eunice Carolina Ohlweiler de Oliveira.

ULBRA (Universidade Luterana do Brasil)

A Ulbra Campus Gravataí proporciona aos seus alunos cursos de graduação e extensão nas áreas de Administração, Biologia, Ciência da Computação, Direito, Educação Física, Enfermagem, História, Letras, Matemática, Pedagogia, Psicologia, Serviço Social e Banco de Dados.

Oferece ainda o ensino a distância com cursos de Pedagogia, Gestão Imobiliária, Administração, Letras e Literatura.

Horário de atendimento:
De segunda a sexta, das 8h às 22h.
Características:
Acesso a portadores de necessidades especiais
Alimentação
Ambiente ao ar livre
Ar condicionado
Centro de eventos
Estacionamento(pago)
Sala de ginástica
Sala de Internet
Sala de jogos
Site: www.ulbra.br/gravatai


Colégio D. Feliciano

cidade de Gravataí



Cascatinha



Parcão da 79 (Ao lado do Condomínio Castor onde moro)








Condomínio Residencial Castor (onde moro)

logotipo 









 

TELEFONES ÚTEIS GRAVATAÍ
192 - SAMU

190 - Brigada Militar ou (51)3488.2135 17º BPM de Gravataí

193 - Bombeiros ou (51)3484.2311 8º CRB de Gravataí

197 - Polícia Civil ou (51)3488.1775 1ª Delegacia de Polícia de Gravataí ou (51)3490.2855/2953 2ª Delegacia de Polícia de Gravataí

191 - Polícia Rodoviária Federal ou (51)3488.1778 (Gravataí)

198 - Polícia Rodoviária Estadual ou (51)3438.2458(Gravataí)

153 - Defesa Civil ou (51)3488.8555 (Gravataí)

180 - Central de Atendimento à Mulher - Denúncia contra violência

181 - Disque denúncia sobre segurança pública - Secretaria de Segurança Pública do RS - Informações, reclamações e denúncias

0800.510.0040 - Conselho Tutelar de Gravataí - (51)3488.6333

0800.518518 - DENARC - Departamento Estadual de Investigações Sobre Narcóticos

0800.5104668 - DECAP - Delegacia de Capturas - informações sobre foragidos

0800.721.3000 - Centro de Informação Toxicológica do Rio Grande do Sul

PROCON de Gravataí - (51)3497-6134/7133/6495

Prefeitura Municipal de Gravataí - Ouvidoria Geral - 0800.510.9956 / (51)4001.3274

Guarda Municipal de Gravataí - (51)4001.3261

Fundação Municipal do Meio Ambiente de Gravataí - Denúncias de crimes ambientais - Plantão 24 horas (51) 9999.5799

Serviços Urbanos de Gravataí - Coleta de lixo domiciliar e seletivo e recolhimento de animais mortos - Plantão 24 horas - (51)9739.3565

Consepro de Gravataí - (51)3488.5566/5500 e-mail: consepro@conseprogravatai.com.br

Hospital Dom João Becker - (51)3484.1515

Central de Ambulãncias de Gravataí - 0800.541.6789



Eu nasci em Porto Alegre. Vim morar em Gravataí em 1978. E...
custom image 




8 comentários:

✿ chica disse...

Muito legal como mostraste tua cidade!!Adoro o Pampa Safari! É lindo! beijos,chica

Zé Carlos disse...

Soninha, somente uma cidade linda assim, com esta tradição arraigada de cidade gaúcha poderia ser seu 'habitat'. Vocês se merecem, você morar num recanto maravilhoso e a cidade portar uma cidadã especialíssima como tu.
Bjs do Zé Carlos

Mari disse...

Soninha, moro em Porto Alegre, do ladinho de Gravataí e nunca visitei a cidade, e minha mãe morou por 10 anos em Cachoeirinha. Agora fiquei com uma vontade de ir conhecer...ainda mais o Pampa Safari! Qualquer dia desses vou aí, fazer uma visita à tua cidade!

Tenha um excelente início de semana!♥

Santa Cruz disse...

Soninha; Obrigado, pela tua viagem a esta linda e maraviljosa cidade fiquei encantado, porque eu não conheço nada do Brasil a não ser por imagens que me são enviadas por voces.
Beijinhos
Santa Cruz

Anne Lieri disse...

Soninha,que cidade mais linda,ampla,clara e acolhedora!Adorei ver seu condominio e tb a cascata!Lindas imagens e história!Bjs,

Toninhobira disse...

Uma bela viagem amiga.Adorei a cascatinha.Acho que é a cidade da Vivian do blog Flores e Livros.Alguns amigos ja foram varias vezes ai, para uma fabrica de transformadores penso.
Oxalá eu possa ir um dia.
Linda cidade e vi muito verde.
Um abração Soninha.
Bela semana a voce.
Beijo.

Estela disse...

Oieee Soninha
adorei sua linda e gostosa cidade.
Sou apaixonada pelo sul do Brasil.
Me aguarde em junho estarei saindo aqui de Sampa e de carro vamos meu marido e eu até o finalzinho do Rio Grande.
Temos um amigo estancieiro e vamos visita-lo. vai ser uma linda viagem, e passarei ai em Gravataí....lindo Rio Grande....bjusss amore

Lilá(s) disse...

Muito boa esta postagem Soninha, tão completa que quase apetece ir morar aí!
Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Clique e...

Conheça o agregador dos meus links:

Conheça o agregador dos meus links:
Clique na imagem acima.